Veja o que acontece no seu corpo 60 minutos após você tomar o seu refrigerante favorito.

O refrigerante tem caído, cada vez mais, no gosto da população brasileira. Segundo dados do Ministério da Saúde, 30% das pessoas consomem a bebida ao menos cinco vezes por semana e, a maioria exagera na quantidade.
Muito se fala sobre os malefícios do refrigerante e, existe até uma corrente que preconiza que os refrigerantes diet e light não apresentam riscos à saúde. Mas, será que essa afirmação, é verdadeira?
Qualquer tipo de refrigerante é prejudicial à saúde, seja ele light, diet ou comum. A diferença está na matéria-prima que adoça a bebida. Os light e diet possuem um alto teor de adoçante, que aumenta a pressão arterial, causa inchaço do abdômen e produção de gases. Já os comuns, concentram muito açúcar e provocam o ganho da gordura abdominal e o risco da pessoa desenvolver diabetes.
É importante avaliar a quantidade de refrigerante ingerido para verificar se já não se tornou um mau hábito ou até mesmo um vício. Essa avaliação faz-se necessária porque muitas pessoas tomam refrigerante em vez de água quando estão com sede, e perdem os benefícios que ela traz à saúde, como o funcionamento melhor do intestino e hidratação da pele.

Veja agora o que acontece no seu corpo uma hora após você tomar o seu refrigerante favorito:

10 minutos:

Depois de  dez minutos que você ingere a bebida, o equivalente a 10 colheres de chá de açúcar atingem seu sistema, caso você não saiba, essa é quantidade de açúcar recomendada para consumir em um dia. Ou seja, o ideal seria que você não consumisse nem uma grama de açúcar a mais nas próximas 24 horas.

20 minutos:
Por causa da alta concentração de açúcar no sangue, há uma verdadeira explosão de insulina no organismo. O fígado, então, começa a transformar todo o açúcar em gordura rapidamente.

40 minutos:

Após 40 minutos da ingestão da bebida, a absorção de cafeína já está completa. Dessa maneira, as pupilas se dilatam e a pressão arterial sobe. Em consequência disso, o fígado libera mais açúcar na nossa corrente sanguínea e a sonolência é espantada do cérebro, nos deixando mais alertas.

45 minutos:
45 minutos depois, a produção de dopamina aumenta no nosso corpo, isso faz com que a zona de recompensa do nosso cérebro seja ativada, causando uma sensação de prazer. O efeito é parecido com o que acontece quando ingerimos alguns tipos de drogas.


60 Minutos:
Por fim, o ácido fosfórico se  prende a alguns componentes no intestino grosso, provocando um aumento maior no metabolismo. Isso causa um aumento da excreção de cálcio na urina.

Mais de 60 minutos:
A medida que o tempo passa , a situação começa a mudar, e você começa a ter sintomas de “depressão pós açúcar”. Pode se sentir irritado ou lerdo, você também já botou toda água para fora, e essa água levou embora uma penca de  eletrólitos que seriam úteis por exemplo, para manter ossos e dentes fortes.