Dicas de como limpar o bolor nas paredes e melhorar a respiração

O bolor é uma designação comum dada a fungos filamentosos que surgem sobretudo em lugares úmidos e escuros. A exposição a estes fungos, que produzem substâncias tóxicas, pode causar reações adversas em humanos e animais.

A exposição constante em ambientes com bolor pode provocar alergias na pele, rinite e sinusite. Mas há maneiras de o eliminar.

Precauções na limpeza do bolor das paredes: Por isso, antes de fazer a limpeza do bolor das paredes, certifique-se que tem luvas, procure usar uma máscara e proteção para os olhos. Mantenha as janelas abertas durante a limpeza do bolor nas paredes.

Como preparar a solução de limpeza: Num recipiente, misture uma parte de água sanitária para três de água. Recorra a uma escova com filamentos duros, embebida no preparado anterior, e esfregue a zona afetada pelo bolor. Para finalizar, recorrendo a um pano úmido, enxague com água limpa a área esfregada.

 

Como prevenir o regresso do bolor às suas paredes: Mantenha secos as cortinas ou box de chuveiro ou banheira. Depois de tomar banho, estenda as toalhas para secarem. Se a sua casa ou alguma divisão da sua casa for especialmente úmida, considere comprar um desumidificador elétrico.


Mantenha os ambientes úmidos, como cozinhas ou baheiros de banho, bem arejados. Um bom revestimento de paredes e tetos evitará a condensação e, por consequência, o surgimento de bolores. Ao pintar, utilize tintas ou aditivos com características antifúngicas.

Ao verificar uma fuga de água, repare a fuga o mais rapidamente possível, evitando assim que a umidade se infiltre. Se ainda assim o bolor regressar às suas paredes, não se preocupe. Agora já sabe como limpar o bolor das pare