Pólipos do cólon: sintomas e a prevenção

Você já ouviu falar sobre pólipos do cólon? Eles são formações que aparecem na parede do cólon e do reto. Pólipos de cólon são muito difundidos: estima-se que 15 a 40 por cento dos adultos nos Estados Unidos os tenham. Pólipos de cólon raramente causam sintomas, a menos que cresçam.

A maioria dos pólipos é benigna, mas é possível que eles se tornem cancerosos com o tempo. Se um exame de triagem mostra a presença de pólipos no cólon ou reto, eles geralmente são removidos imediatamente.

Sintomas que os pólipos do cólon podem causar

Pólipos de cólon nem sempre causam sintomas. Mas se os sintomas estiverem presentes, eles podem incluir os seguintes:

Sangramento do reto;

Fezes vermelhas ou pretas, que indicam a presença de sangue;

Constipação persistente ou diarreia;

Dor abdominal e cólicas.

Pólipos de cólon podem sangrar lentamente e levar à anemia, que pode se manifestar com falta de ar, fraqueza e cansaço.

Fatores que facilitam o desenvolvimento de pólipos no cólon

Os pólipos do cólon são mais comuns em certos grupos de pessoas. Fatores que são conhecidos por aumentar o risco de pólipos no cólon incluem os seguintes:

Ter mais de 50 anos;

Histórico familiar de pólipos no cólon;

Tabagismo;

Obesidade;

Diabetes não controlada;

Ser fisicamente inativo;

Doença inflamatória do intestino (DII);

Consumo excessivo de álcool;

Transtornos hereditários que causam a formação de pólipos, como síndrome de Lynch e polipose adenomatosa familiar (PAF).

Existe uma maneira de evitar o desenvolvimento de pólipos no cólon?

Imagem: saludmovil.com

Nem sempre é possível evitar o crescimento de pólipos no cólon, mas você pode tomar medidas para torná-los menos propensos a se desenvolver. Essas medidas incluem:

Evite o fumo e outros usos do tabaco;

Beba menos álcool;

Se vocês estiver com sobrepeso ou obesidade, perca peso com exercícios regulares e uma dieta saudável;

Consuma muitos legumes frescos, frutas e grãos integrais;

Evite alimentos processados, principalmente as carnes;

Evite alimentos fritos e com alto teor de gordura;

Aumente sua ingestão de vitamina D e cálcio comendo mais vegetais crucíferos, tais como brócolis, e laticínios;

Se você possui um histórico familiar de pólipos no cólon e/ou uma doença que faça com que eles cresçam, peça ao seu médico para realizar algum exame, como a colonoscopia, com mais frequência.

Embora os pólipos do cólon sejam geralmente benignos e não causem sintomas se forem pequenos, eles ainda devem ser levados a sério. Colonoscopias regulares ou outros exames podem ajudar a detectá-los precocemente e permitir que eles sejam removidos a tempo para evitar complicações graves, como o câncer de cólon.