Você demora para conseguir dormir? Veja este método dos militares para adormecer em 2 minutos em qualquer situação

Uma técnica do sono desenvolvida por militares, poderia levá-lo a dormir em dois minutos.

Segundo informações preliminares essa técnica funciona em 96% dos casos, e segundo consta, foi desenvolvida com o intuito de manter acordado os pilotos que estavam cometendo vários erros em serviço. Uma pesquisa feita no Reino Unido indica que muitas pessoas são privadas do sono e o ideal é que os adultos durmam em média 7 às 9 horas por noite.

A falta de sono tem sido associadas a uma serie de doenças, tais como: diabetes, doenças do coração e derrames. No entanto, como funciona essa técnica? Começa por relaxarmos os músculos da língua, a mandíbula e os músculos que estão em volta dos olhos. Em seguida relaxe os ombros, primeiro de um lado, depois o outro. Expire, relaxe o peito e as pernas, começando pelas coxas e indo em direção as pernas.

O tempo para fazer esse exercício de relaxamento é de 10 segundos. É também necessário esvaziar sua mente de qualquer tipo de pensamento.

De acordo com o livro Relax and Win, existem três métodos: O primeiro é imaginar-se deitado em um barco, contemplando o céu acima de você; o segundo é imaginar-se numa colcha de veludo, num quarto escuro como breu e o terceiro é repetir as palavras por 10 segundos “não pense, não pense, não pense”.

A técnica do sono foi abordada em um livro pela primeira vez em 1981, e ainda se usa algumas delas para a ajudar quem esta privado do sono, especialmente os soldados.

O Exercito do EUA, publicou uma declaração sobre a técnica, dizendo:

“O que importa quando se trata de dormir é o que funciona para você.’Não exite uma fórmula mágica, você tem que ouvir seu corpo. O sono é vital para sustentar a energia, equilibrar as emoções, o desempenho no trabalho e na forma física, bem como a saúde geral. A maioria das pessoas luta com problemas de sono, por não conseguir dormir o suficiente, não dormir com tranquilidade, ou uma combinação de ambos”.

Estudos feitos pela Universidade de Uppsala, Suécia, indicam que os padrões do sono quando interrompidos abalam o metabolismo e aumentam a capacidade do corpo de armazenar gordura, estabelecendo uma forte ligação entre a obesidade e o trabalho em turnos. Um estudo desenvolvido na Europa descobriu que dormir 5 horas por noite pode ser tão ruim quanto fumar.